Entenda como funciona o financiamento de imóveis na cidade de Orlando

Mensagem principal: O financiamento de imóveis na cidade de Orlando para estrangeiros tem uma burocracia menor do que a brasileira. As baixas taxas de juros constituem outra vantagem de financiar uma propriedade nos EUA. A forma mais comum de financiar imóveis na Flórida consiste no chamado “mortgage” ou hipoteca.


Entenda como funciona o financiamento de imóveis na cidade de Orlando


Sonoma Resort cidade de Orlando
Sonoma Resort cidade de Orlando

Se um imóvel na cidade de Orlando estiver em seus planos de 2018, o financiamento pode ser uma excelente maneira para realizar a aquisição. Embora o processo apresente algumas diferenças para estrangeiros, esta opção oferece vantagens que não encontramos no Brasil.

A primeira delas corresponde a requisitos razoáveis com uma burocracia menor e mais ágil que a brasileira.

Segundo o The Mortgage Reports, muitos bancos privados não exigem green card (visto de residência permanente) para quem não reside nos EUA. E por facilitarem o processo para não residentes, os bancos são uma escolha conveniente, que oferece maiores chances de aprovação. A documentação pode variar um pouco de acordo com a política da instituição financeira. Mas a princípio, os documentos frequentemente solicitados são:

  • passaporte válido
  • visto americano
  • extrato bancário
  • declaração de imposto de renda

O processo tem duração variável, podendo levar de 46 a 90 dias (The Mortgage Reports). Mas certamente com a ajuda de um profissional qualificado, a documentação e a negociação com o banco podem ser providenciadas com maior eficiência. Além disso, um broker saberá aconselhar quais as melhores alternativas, considerando leis e taxas específicas do estado.

As baixas taxas de juros constituem outra vantagem de financiar uma propriedade nos EUA. Porém, antes de comentar sobre este assunto, é interessante entender como funciona este tipo de empréstimo.

Como funciona o financiamento americano?

financiamento cidade de Orlando
financiamento imóveis cidade Orlando

A forma mais comum de financiar imóveis na Flórida consiste no chamado “mortgage” ou hipoteca. De acordo com o The Balance, existem duas partes envolvidas: o devedor (“mortgagor” ou “borrower”) e o credor hipotecário (mortgagee).

Nesta situação, você é o devedor, a pessoa que empresta o valor para comprar o imóvel ou recebe o crédito. E o banco atua como o credor hipotecário. A hipoteca é o tipo de empréstimo em que o imóvel é a garantia de pagamento da dívida (GCF AprendeLivre.org). Um documento oficial é registrado publicamente, na corte do condado da propriedade.

A negociação assegura que o imóvel pertence ao devedor. E caso não seja possível pagar a dívida, o banco tem o direito de realizar a venda da propriedade, sendo este procedimento chamado de “foreclosure”.

Agora sim podemos voltar aos detalhes dos juros.

Tipos de empréstimo de acordo com as taxas de juros

Como explica o TransferWise, os EUA possuem basicamente 3 tipos de empréstimo de acordo com as taxas de juros: fixo, variável e híbrido.

taxa de juros financiamento de imóveis na ciade de orlando
taxa de juros financiamento de imóveis na ciade de orlando

A modalidade fixa não apresenta variação mensal, geralmente apenas anual. Já o tipo variável, chamado de “Adjustable Rate Mortgage -ARM” pode aplicar valores mais baixos ou mais altos, dependendo das condições do mercado.

Uma breve explicação sobre o empréstimo com taxas híbridas é que o devedor paga com juros fixo por alguns anos antes de passar a pagar com juros variável. Exemplos comuns são 3/1 ou 5/1 ARM, que implicam respectivamente, juros fixos nos 3 ou 5 primeiros anos, antes de iniciar o regime de juros variável.

As taxas variam com o imóvel, perfil de investidor e política do banco. No entanto, podemos citar alguns valores praticados no mercado, a título de conhecimento, para que você tenha uma noção mais realista do que esperar na sua negociação.

Exemplos de valores praticados no mercado imobiliário da Flórida

As taxas de juros geralmente variam entre 4,4% e 6% ao ano, com entrada a partir de 25% do valor da propriedade. Boa parte dos empréstimos para financiar imóveis possuem prazo longo, de 30 anos.

Por exemplo, uma simulação no site do Bank of America indica que, para uma casa no valor de US$ 375.000, com entrada de 40%, o processo terá juros anual de 3,86%, para um prazo de 15 anos em regime fixo.

Especialistas sugerem que o processo para estrangeiros já possui uma boa chance de aprovação quando a entrada corresponde a 35% ou 40% do valor total, pois representam uma soma substancial e envolvem riscos menores para o credor. Este também é outro detalhe importante, entradas maiores envolvem normalmente taxas de juros mais baixas.

Deixamos alguns exemplos de instituições que atuam como mediadoras entre o comprador do imóvel e o banco credor:

Dica: você pode acessar o simulador on-line US Mortgage calculator, que permite fazer uma estimativa do valor mensal e da taxa de juros.

Finalmente, ressaltamos que a cidade de Orlando é a oportunidade perfeita para garantir a sua casa nos EUA. Nesta terra ensolarada há uma combinação de elementos favoráveis ao seu investimento: crédito facilitado e casas com excelente custo/benefício. Além disso, o turismo é bastante promissor para aluguel por temporada.

Caso deseje saber mais sobre imóveis e opções de financiamento, não deixe de entrar em contato conosco pelo e-mail info@investirimoveiseua.com. Estamos à disposição.

Compartilhe o conhecimento